Pages

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Panela pra quê?


Panelas, panelas, panelas!

Juro que se tivesse mais espaço nos armários, gastaria metade do meu salário com muitas dessas!


Pra quê?? Ora, cada panela que você tem é única, cada uma delas tem uma função específica e pode melhorar a qualidade e o sabor dos pratos que você faz! Algumas propriedades do material com que ela é fabricada influenciam na textura, no cozimento - por causa da temperatura - e no sabor final. Acredite, com algumas poucas delas você pode incrementar e muito os seus pratos. Não é preciso, na verdade, ter um mooonte de panelas. E não acredite que qualquer panela serve para cozinhar. De modo algum! Cada uma delas tem uma função. A espessura e o material com que é feita influencia muito no resultado final de um prato.


Na prática, aprendi um pouco sobre elas:


PANELA DE FERRO FUNDIDO
Essa panela é bastante comum em feiras livres, na versão metalizada, não preta. É o tipo ideal para fazer um molho (de tomate, à bolonhesa, etc.), carnes (cozidos, ensopados, etc.) e arroz. Sim, arroz! Ela mantém a temperatura constante, cozinhando por igual, além de manter o alimento mais tempo aquecido e ter alta durabilidade e preço mediano.


PANELA DE ALUMÍNIO
Uma panela bastante criticada (dizem que deixa resíduos de alumínio que fazem mal à saúde). Costumam ser panelas muito finas, que acabam queimando ou grudando o alimento no fundo. Se bem cuidadas, tem boa durabilidade e são boas para preparar sopas e caldos. Ela aquece mais rápido que as de ferro - o que pode ser um perigo - mas em compensação agilizam o trabalho na cozinha. Use-as com cuidado e não deixe os alimentos esfriarem dentro dela nem guarde-os dentro dessas panelas, porque o sal e os ácidos reagem com as substâncias da panela e podem provocar a liberação de substâncias tóxicas.


PANELA DE COBRE
As panelinhas rosadas são as melhores para preparar qualquer tipo de caldas e doces, principalmente os tipo 'caseiro' (bananada, goiabada, doce de côco, etc.). Uma desvantagem é que, o que antigamente era comum, hoje tornou-se super 'fashion' e, portanto, caro. Mas vale a pena ter uma dessas de tamanho mediano em casa. É preciso remover o verniz dela antes de usar (mergulhe-a em água fervente e deixe lá dentro até que esfrie por completo). Use detergente neutro para limpar e nada de esponja de aço! Assim como as de alumínio, não deixe os alimentos esfriarem dentro dela pelos mesmos motivos das anteriores


PANELA DE VIDRO
Não transmite resíduos para a comida, é fácil de limpar e bonita. Porém, é frágil. Serve para o preparo de quase todo tipo de alimento. Vale a pena pensar se o preço compensa (no meu caso, que sou uma estabanada de nascença, é perigoso ter uma por perto durante muito tempo).


PANELA DE BARRO
Muito utilizada no Espírito Santo (aqui mesmo!!) e na Bahia, é onde prepara-se as Moquecas, Mariscadas e Peixadas típicas desses dois estados. São boas para qualquer tipo de peixe, mas também para preparar carnes brancas ensopadas - já fiz Frango ensopado em uma, fica ótimo. É um tipo de panela que precisa ser 'queimada' antes de ser utilizada (faz-se isso colocando-a no forno quente untada com óleo até que ele seque, repetindo a operação. Depois é só esperar esfriar e lavar bem).


PANELA DE PEDRA SABÃO
Panela bastante antiga, é boa porque não modifica o sabor dos alimentos e os mantém quentinhos por bastante tempo, além de ser antiaderente (boa para nossas unhas na hora de limpar!). Alguns dizem que libera algumas propriedades que mantém nosso organismo saudável (cálcio, ferro, etc.). Assim como a panela de barro, precisa de um preparo especial antes de ser utilizada. Nunca utilize uma esponja de aço nela, use apenas água e sabão.


PANELA DE TEFLON
As chamadas 'antiaderentes' são práticas, de fácil limpeza e dispensam o uso de óleo, o que torna a comida mais saudável. Ideal para o dia-a-dia exatamente por isso. Porém, nunca a deixe esquentando por tempo indeterminado (elas eliminam gases que prejudicam a atmosfera terrestre, acredite!). Não utilize esponjas de aço e não ingira o politetrafluoretileno (o que dá a cor escura à panela) de jeito nenhum. 


PANELA DE AÇO INOX
Para quem cuida da saúde e gosta de um alimento preparado adequadamente o melhor é optar pelas panelas de inox. É o tipo mais usado na cozinha profissional. Por ter fundo triplo (pelo emnos as de boa qualidade), atinge altas temperaturas mais rapidamente, além de ser uma panela resistente e de aparência bonita. Demora a esquentar, mas também a esfriar. O aconselhável é não escovar a panela com esponja de aço. No polimento forma-se uma camada protetora de óxido que ajuda a impedir que os metais passem para os alimentos. O níquel em pequenas quantidades pode até ser útil ao organismo, mas o excesso tende a afetar o sistema nervoso. Faço de tudo com ela, de sopas a arroz.


PANELA ESMALTADA
Bonita, boa para ir á mesa, porém frágil. Se o esmalte descascar, pode prejudicar a saúde. Além disso, esquentam muito rápido e tendem a grudar os alimentos. Use-as somente para a apresentação dos alimentos, prefira outras panelas para o cozimento. Lave com sabão neutro somente.



PANELA DE CERÂMICA

As panelas de cerâmica, principalmente as de barro com superfície marrom brilhante, devem ter selo de qualidade que garanta que não são usados compostos à base de chumbo. É comum encontrar em países pouco desenvolvidos produtos cerâmicos elaborados com óxido de chumbo na vitrificação. O chumbo é facilmente dissolvido no alimento, especialmente os ácidos. Saladas, frutas ácidas ou fermentados em contato com esse material podem ficar contaminados com componentes pesados como chumbo, mercúrio e cádmio. A intoxicação por cádmio traz problemas respiratórios, bronquite e hipertensão. O organismo incorpora o chumbo que é altamente tóxico, especialmente em crianças. O chumbo se deposita no osso em grandes quantidades como se fosse cálcio, o que produz um envenenamento generalizado. Os danos são diminuição da capacidade mental. Nos adultos o chumbo provoca anemia. Os sintomas aparecem, em crianças, após um ano de uso da panela; em adultos, quatro anos. O ideal são panelas de barro ou de cerâmicas ofuscadas.



PANELAS ESPECIAIS
São aquelas para pratos específicos: Wok (para Yakisoba e outras iguarias orientais), para Paella (uma receita tipicamente espanhola), para Fondue, etc. O preço desse tipo de panela costuma ser bastante salgado, mas vale a pena ter uma. São boas para cozinhar e podem ser levadas à mesa sem nenhum problema. No caso das Espagueteiras, isso não se aplica, é claro. Lembre-se: spaghetti de verdade não pode ser partido ao meio de jeito nenhum! Cozinhe-o inteiro, ok?
Paellera

Espagueteira

Fondue

Wok



Aproveite as dicas e deixe sua cozinha mais bonita, saudável e prática, além de gostosa!

PAX,


H.

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

Feijão manteiga à vinagrete

Gosto de preparar esse feijão em dia de churrasco. O tempero dele lembra bem um vinagrete e, acrescido de um arroz branco e uma carne ao ponto... huuum!


INGREDIENTES:


1/2 kg de Feijão manteiga cozido

2 tomates sem sementes cortados bem pequenos
1 cebola média picada
1 pimentão pequeno picado bem pequeno
1/2 maço de salsa
1/2 maço de cebolinha
2 colheres (sopa) de coentro (Opcional)
2 folhas de louro (Opcional)
3 colheres de azeite extra virgem
3 dentes de alho grandes picados
Sal a gosto


MODO DE PREPARO:


Aqueça o azeite, frite o alho, acrescentando em seguida a cebola. Cozinhe até que ela fique transparente. Acrescente metade dos temperos verdes, o louro, o tomate e o pimentão. Deixe cozinhar, até quase desmancharem. Caso o molho seque rápido, acrescente um pouco da água do cozimento do feijão. Por último, junte o feijão ao molho e o restante do tempero verde. Se quiser, pode pôr um pouco mais de azeite. Coloque sal a gosto, deixe cozinhar por alguns minutos e sirva.



Serve até 20 pessoas. Não tem como errar, todo mundo gosta!

segunda-feira, 3 de agosto de 2009

Sopa irlandesa de batata

A famosa 'sopa do dia' apreciada como entrada pelos irlandeses (receita original):



INGREDIENTES:

4 colheres (sopa) de manteiga
2 cebolas médias fatiadas
900 g de batatas descascadas e fatiadas
3 copos de leite
5 e 1/2 xícaras (chá) de caldo de galinha
1/4 de xícara (chá) de cebolinha picada finamente
1/2 de colher (chá) de semente de aipo
1/4 de colher (chá) de tomilho
1 xícara (chá) de creme de leite
Sal e pimenta do reino à gosto

Para dar espessura à sopa:
2 colheres (sopa) de manteiga
2 colheres (sopa) de farinha de trigo

Para decorar:
cebolinha cortada
bacon em cubos bem pequenos fritos


MODO DE PREPARO:

Aqueça 3/4 do caldo de galinha, com a manteiga e as cebolas, cozinhando devagar. Não deixe as cebolas ficarem marrons. Adicione as batatas, o leite e o resto do caldo. Adicione por último as ervas. Tampe e deixe cozinhar em fogo baixo por uma hora. Enquanto isso, prepare o engrossante: derreta a manteiga em uma panela, adicione a farinha e mexa vigorosamente para não empelotar. DEixe a mistura cozinhar por 2 minutos em fogo médio, mexendo sempre. Em seguida, misture a sopa e o engrossante, mexendo suavemente para misturar e não empelotar. Cozinhe por 5 a 10 minutos, desligue o fogo e amasse as batatas da sopa para deixá-la uniforme. Acrescente o creme de leite. Leve ao fogo novamente, mas não deixe ferver. Coloque o sal e a pimenta a gosto e salpique o bacon e a cebolinha por cima.


Enjoy!


Pax,


H.

Empanadas de carne

Receita tipicamente argentina e uma marca da culinária daquele país. Parecida com nossos 'risoles' ou 'pasteizinhos', mas com uma massa muito mais leve que a nossa. O segredo é deixar a massa descansar pelo tempo indicado.



PARA A MASSA:

INGREDIENTES:
50 g de manteiga
250 g de farinha de trigo
de 5 a 8 colheres (sopa) de água morna
1 pitada de sal
manteiga e farinha de trigo para untar e polvilhar


MODO DE PREPARO:

Deixe a manteiga em temperatura ambiente. Num recipiente, coloque a farinha, o sal e a manteiga e misture, com a ponta dos dedos, até obter uma farofa. Acrescente a água morna, aos poucos no recipiente, e trabalhe a massa até que fique lisa e uniforme. Embrulhe a massa em filme plástico e deixe descansar por no mínimo 4 horas. Enquanto a massa descansa, comece a preparar o recheio. Retire o plástico da massa e abra-a, com a ajuda de um rolo, sobre uma superfície enfarinhada. Deixe a massa com uma espessura de 2 mm. Corte discos de 10 cm de diâmetro, se quiser, utilize a tampa de uma panela pequena como cortador. Coloque cerca de 2 colheres (sopa) de recheio na parte inferior do disco. Deixe uma pequena margem de massa para fechar a empanada. Umedeça a borda da massa com água e feche-a formando uma meia-lua. Vire a borda da massa como se estivesse fazendo uma bainha. Repita a operação com todos os discos. Ligue o forno em temperatura média (180 graus). Unte uma assadeira grande com manteiga e farinha. Distribua as empanadas, uma ao lado da outra.
Leve a assadeira ao forno pré-aquecido até que a massa fique dourada. Retire do forno e sirva a seguir.


PARA O RECHEIO:

INGREDIENTES:

250 g de contra-filé limpo
250 g de cebola picada
1 colher (sopa) de azeite de oliva
4 colheres (sopa) de água
2 colheres (sopa) de salsinha picada
2 ovos cozidos
4 colheres (sopa) de azeitonas verdes sem caroço picadas
cominho a gosto
páprica a gosto
pimenta calabresa a gosto
sal e pimenta-do-reino a gosto


MODO DE PREPARO:

Numa panela, coloque os ovos e cubra-os com água. Leve a panela ao fogo alto e quando começar a ferver, abaixe o fogo ao máximo. Deixe os ovos cozinharem por cerca de 15 minutos. Retire os ovos da água e espere esfriar. Corte o contra-filé em cubinhos pequenos. Pique a cebola e a salsinha. Retire o caroço das azeitonas e corte-as em rodelas. Leve uma frigideira ao fogo alto para esquentar. Acrescente o azeite, a cebola e refogue por 2 minutos. Coloque a carne e deixe fritar bem. Acrescente a água, o cominho, a páprica, as pimentas, a salsinha e o sal. Mexa bem, diminua o fogo e cozinhe, com a panela tampada, por cerca de 40 minutos ou até que a água tenha evaporado e a carne esteja macia. Retire a carne do fogo e coloque num prato. Embrulhe em filme plástico e leve à geladeira para esfriar. Descasque os ovos e pique em pedaços pequenos. Acrescente os ovos picados e as azeitonas no prato com a carne e mexa bem.

Conserva de pepinos e cenoura


Receita oriental (Japonesa).




INGREDIENTES:

1 pepino japonês grande
1 cenoura grande
325 ml de vinagre de arroz
250 g de açúcar
1 colher (chá) de sal
sementes pretas de gergelim


MODO DE PREPARO:

Lave muito bem o pepino sob água corrente. Com uma faca afiada, corte as pontas e despreze. Sobre uma tábua, corte o pepino em fatias bem finas. Se preferir, use um fatiador de legumes. Repita o procedimento acima com a cenoura. Coloque as fatias de pepino numa peneira e polvilhe sal para desidratá-las. Deixe repousar por 30 minutos. Em seguida, lave as fatias sob água corrente para retirar o excesso de sal. Numa panela, junte o vinagre de arroz e o açúcar e leve ao fogo baixo para ferver. Depois que ferver, desligue o fogo e deixe esfriar. Transfira o pepino e a cenoura para recipientes separados. Divida e distribua a calda sobre os legumes até cobri-los completamente. Tampe os recipientes e leve à geladeira. Deixe repousar por no mínimo 12 horas. No momento de servir, retire os legumes da calda, coloque em tigelinhas individuais e polvilhe com as sementes de gergelim.

Bolinhas de queijo


Petisco certo em qualquer boteco que se preze, as bolinhas de queijo dessa receita rendem bastante e são realmente boas. Se preferir, substitua o queijo prato por queijo branco, assim fica mais saudável e menos calórico.

INGREDIENTES:

1/2 xícara (chá) de água
1/2 colher (sopa) de óleo
1/2 colher (sopa) de manteiga
1/2 cubo de caldo de galinha
1 xícara (chá) de farinha de trigo
50 g de queijo prato
agua gelada o quanto baste
farinha de rosca para empanar
óleo para fritar


MODO DE PREPARAR:

Numa panela média, coloque a água, o óleo, a manteiga e o caldo de galinha e leve ao fogo alto.Quando ferver, retire do fogo, acrescente a farinha de uma só vez e misture bem. Volte ao fogo baixo, mexendo por 3 minutos. Retire do fogo e trabalhe a massa, ainda quente, mexendo bem, até ficar lisa e uniforme. Reserve.

Corte o queijo prato em cubos de 1 cm. Comece cortando em fatias (1 cm); corte cada fatia em tiras (1 cm); e as tiras em cubos. Reserve.
Com uma colher de chá, pegue uma porção de massa e faça uma bolinha. Recheie a bolinha com um cubinho de queijo e feche bem. Enrole novamente nas mãos para dar forma. Repita o procedimento com toda a massa e com o queijo.

Coloque a água gelada numa tigela e a farinha de rosca em outra. Passe cada bolinha pela água e depois pela farinha. Reserve.
Numa panela média, coloque o óleo e leve ao fogo para esquentar. Quando o óleo estiver quente, com cuidado, acrescente as bolinhas aos poucos para fritar. Com uma escumadeira, vire as bolinhas para que dourem de todos os lados.

Retire as bolinhas com uma escumadeira e transfira para um prato forrado com papel-toalha. Sirva imediatamente ou conserve em geladeira. Na hora de servir, aqueça no forno em temperatura média

Berinjelas ao alho


Como entrada, um bello antepasto

com torradas!



INGREDIENTES:

4 berinjelas pequenas
3 dentes de alho fatiados
½ colher (chá) de orégano
4 colheres (sopa) de azeite de oliva
3 colheres (sopa) de vinagre
1 colher (sopa) de salsinha picada
sal e pimenta-do-reino

MODO DE PREPARO:

Lave bem as berinjelas e corte-as em fatias de 1 cm. Tempere com um pouco de sal e pimenta-do-reino. Unte uma assadeira com um pouco de óleo e arrume as fatias de berinjela. Leve ao forno pré-aquecido em médio por cerca de 20 minutos ou até que as fatias estejam macias. Retire e deixe esfriar. Corte as fatias de berinjela em tiras de 1 cm e coloque em uma tigela. Aqueça o azeite de oliva em uma frigideira e, quando estiver bem quente, adicione os dentes de alho fatiados. Refogue por 2 minutos. Retire do fogo e deixe amornar. Adicione o vinagre e misture bem. Regue as berinjelas com essa mistura de alho, azeite e vinagre. Salpique com a salsinha e como o orégano e tempere com sal e pimenta-do-reino. Misture bem e leve à geladeira por 24 horas. Sirva como aperitivo.

Batata à indiana

Mais uma receita indiana de lamber os beiços! Fonte: Terra - Culinária




INGREDIENTES:

6 batatas médias
1 pedaço de gengibre fresco
4 cebolas médias
1/2 xícara (chá) de óleo de canola
1 colher (chá) de sementes de mostarda
2 pimentas verdes picadas
1 colher (chá) de cúrcuma
3 colheres (sopa) de folhas de coentro picadas
1/2 colher (chá) de páprica picante
3 1/2 colheres (chá) de sal
2 colheres (chá) de suco de limão


MODO DE PREPARO:

Descasque as batatas com uma faca afiada. Retire uma fatia fina da lateral da batata. Apóie-a sobre uma tábua com a lateral cortada voltada para baixo. Agora, retire fatias de cada lado, transformando a batata em um retângulo. Corte o retângulo em fatias (1 cm); as fatias em tiras (1 cm) e as tiras em cubos (1 cm). Coloque as batatas numa panela e cubra com água. Leve ao fogo alto para cozinhar. Deixe as batatas cozinharem por cerca de 15 minutos ou até que fiquem "al dente". Escorra a água das batatas e reserve. Descasque o gengibre e corte-o em cubos pequenos. Descasque as cebolas e pique-as muito bem. Pique a pimenta verde e o coentro. Coloque o óleo em uma panela média e leve ao fogo alto para aquecer. Acrescente as sementes de mostarda e refogue, mexendo sempre, até que elas comecem a escurecer.
Retire a panela do fogo e adicione o gengibre e a pimenta. Volte a panela ao fogo baixo e refogue, mexendo sempre, até que o gengibre comece a dourar. Adicione a cúrcuma, o coentro, a páprica e misture bem. Acrescente as batatas e a cebola. Refogue por 10 minutos, mexendo sempre, ou até que comecem a dourar.
Se for preciso, adicione um pouco de água para que as batatas terminem de cozinhar. Quando as batatas ficarem macias, amasse algumas com um garfo e misture bem.
Transfira as batatas para tigelinhas individuais. Regue com o suco de limão e sirva quente.

Banana à milanesa


Para comer com os amigos, um petisco muito apreciado!



INGREDIENTES:

6 bananas-nanicas
1 xícara (chá) de farinha de trigo
2 xícaras (chá) de farinha de rosca
2 ovos
1/2 l de óleo de canola


MODO DE PREPARO:

Coloque o óleo numa panela grande e leve ao fogo para aquecer.
Quebre os ovos num prato fundo e bata ligeiramente com um garfo.

Coloque a farinha de trigo num prato raso e a farinha de rosca em outro. Descasque as bananas.

Coloque as bananas no prato com a farinha de trigo. Elas devem ficar totalmente envoltas por farinha. Bata ligeiramente as bananas contra as mãos, retirando o excesso de farinha.

Retire as bananas do prato de farinha de trigo e coloque-as (uma por uma) no prato com o ovo batido. Mergulhe-as bem no ovo.

Escorra bem o excesso de ovo e transfira uma banana por vez para o prato com a farinha de rosca. Envolva muito bem todas as bananas com essa farinha.

Quando o óleo estiver bem quente, coloque duas bananas por vez para fritar. deixe fritar até que fiquem douradas. Em seguida, retire-as do óleo com uma escumadeira e coloque sobre um prato forrado com papel-toalha. Sirva bem quente.

Arroz indiano


Em homenagem aos admiradores da culinária indiana e seus sabores fortes (como eu), essa receita tradicionalíssima:


INGREDIENTES:

2 xícaras (chá) de arroz integral
3 colheres (sopa) de manteiga
1 1/2 colher (sopa) de curry em pó
1 cebola picada
4 dentes de alho picados
800 g de coxão-mole em cubos
1,5 l de caldo de carne (se for usar cubos, dissolva apenas 2)
suco de 1 limão
raspas de 1 limão
sal a gosto


MODO DE PREPARO:

Numa panela grande, aqueça a manteiga em fogo médio por 5 minutos ou até que comece a dourar. Junte o curry, o cominho e a cebola. Refogue por cerca de 5 minutos ou até a cebola ficar transparente. Adicione o alho e deixe dourar por mais 2 minutos, mexendo sempre. Acrescente a carne e misture bem.
Quando a carne estiver dourada, coloque o arroz e o caldo. Misture bem. Quando ferver, abaixe o fogo e deixe cozinhar com a tampa entreaberta por 1 hora e 10 minutos.
No momento de servir, acrescente o suco de limão e as raspas. Verifique o sal e bom apetite!

Caldo de batata e queijo minas

Para os vegetarianos - mas não somente para eles - essa receita saborosíssima!


INGREDIENTES:

½ quilo de batatas
200 gramas de queijo minas
1 gema
1 colher de farinha de trigo
1 e ½ xícara de água


MODO DE PREPARO:

Cozinhe as batatas e as prepare como para purê. Refogá-las com os temperos habituais. Colocar a água e deixar ferver por aproximadamente uns 20 minutos. Faça bolinhas pequenas com o queijo ralado, a gema, e o trigo. Coloque-as no caldo, quando elas atingirem a superfície da panela, estará pronta para servir.

Caldo de carne seca e mandioca

Para os dias frios, nada melhor que caldos, sopas e fondue. Essa receita tem o sabor do Nordeste para os dias frios do Sul!



INGREDIENTES:

300 gramas de carne seca
½ quilo de mandioca
1 lata de creme de leite
1 cebola
2 dentes de alho amassado
cheiro verde ou cuentro
sal a gosto
2 colheres de oleo
1 litro de água


MODO DE PREPARO:

Tire o sal da carne e desfie. CoZinhe a mandioca e amasse com um garfo. Frite a cebola e o alho e acrescente a carne e a mandioca. Coloque a água, aos poucos, até formar um caldo mais ou menos grosso. Coloque o creme de leite, o sal e o cheiro verde. Sirva quente.

Arroz com tâmaras

INGREDIENTES:

1 colher (chá) de canela em pó
4 colher (sopa) de manteiga
2 xícaras (chá) de arroz
5 xícaras (chá) de água
1 tablete de caldo de galinha
100 gramas de tâmaras
1 envelope de açafrão
1 cebola média
sal a gosto


MODO DE PREPARO:

Refogar a cebola picada na manteiga. Juntar o arroz, a água, o caldo de galinha, o açafrão, o sal e a canela. Cozinhar em fogo brando até o arroz ficar macio. Tirar os caroços das tâmaras e misturar ao arroz. Deixar alguns minutos para tomar gosto e servir.

quarta-feira, 29 de julho de 2009

Laranjas marroquinas

INGREDIENTES:

1 colher (sopa) de amêndoas raladas
1 colher (sopa) de conhaque
4 figos ou 100 gramas de uvas-passas
300 gramas de açúcar
300 gramas de água
10 laranjas


MODO DE PREPARO:

Descascar 2 laranjas. Picar as cascas em pedaços bem finos e cozinhar por 10 minutos na água misturada com o açúcar. Retirar do fogo e juntar os figos picados (ou uvas-passas), o suco de 2 laranja e o conhaque. Descascar o resto das laranjas e conservar inteiras. Colocar as laranjas no caldo feito antes, cobrir com folha de alumínio e deixar na geladeira por algumas horas. De vez em quando, dê uma mexida nas laranjas. Antes de servir, salpicar com casca de laranja picada e amêndoas raladas.

Kafta na bandeja

INGREDIENTES:

1 kg de patinho moído
1 limão
1 dente de alho
1 colher (chá) de canela em pó
sal
pimenta-do-reino
1/2 maço de salsinha
2 colheres (sopa) de azeite de oliva
1 tomate grande
1 copo de água
1 cebola grande
1 colher (sopa) de manteiga
3 colheres (sopa) de extrato de tomate


MODO DE PREPARO:

Misturar a carne com o suco de limão, o alho socado, a canela, o sal, a pimenta, a salsinha e o azeite. Espalhar numa assadeira untada, formando uma camada de aproximadamente 2 centímetros de espessura. Enfeitar com rodelas de tomate e cebola. Espalhar a manteiga em pedacinhos. Dissolver o extrato de tomate na água e regar a carne. Levar ao forno médio durante 20 minutos. Servir com pão árabe.

segunda-feira, 1 de junho de 2009

Sanduba de forno rápido (Versão Light!)

Por que não um sanduíche gostoso, quentinho e leve pro finalzinho de um dia corrido?



INGREDIENTES:

1 pacote de pão integral ou light branco - de preferência sem as cascas
1 copo de requeijão light cremoso
300g de peito de peru ralado ou fatiado
1 ricota pequena triturada e temperada com um pouco de cebolinha e manjericão seco ou fresco
1/2 cenoura média ralada finamente
100g de mussarela light ralada ou em fatias
3 tomates médios em rodelas finas

MONTAGEM:
1 fôrma retangular 25x35 aproximadamente


MODO DE PREPARO:

Unte a fôrma com margarina light ou um pouco de azeite (a seu gosto), coloque uma camada de fatias de pão, um pouco do requeijão, a cenoura, um pouco de ricota, o peito de peru e o tomate, sempre nessa ordem até que acabem todos os ingredientes. Por último, acrescente o requeijão sobre uma última camada de pão, espalhe o que sobrou da ricota e salpique a mussarela ralada, orégano e manjericão e leve ao forno médio pré-aquecido por 10 minutos, ou até que o queijo derreta. Sirva quente.

Serve 6 a 7 porções.



Enjoy!

Um abraço e Paz sempre.

sábado, 4 de abril de 2009

Pizza de pão árabe

Fácil de fazer e incrivelmente saborosa! Garanto!

INGREDIENTES (para 5 pessoas):

5 pães árabes grandes, partidos ao meio
1 lata de molho de tomate (para pizza ou não)
500g de mussarela ralada (ou ricota moída)
2 tomates em rodelas (ou tomate cereja)
100g de azeitonas pretas sem caroço fatiadas
Orégano, manjericão ou pimenta calabresa a gosto

MODO DE PREPARAR:

Coloque os pães cortados em um fôrma, com o lado interno do pão para cima. Coloque um pouco de molho de tomate sobre os pães, espalhando bem. Acrescente a mussarela, coloque algumas fatias de tomate, as azeitonas e tempere com as ervas que preferir.
Coloque para assar em fogo baixo por 10 minutos ou até que o queijo derreta.

Sugestão: gosto do recheio "marguerita": molho de tomate, mussarela, tomate, manjericão fresco e queijo parmesão ralado! Uma ótima pedida pra um sábado á noite em casa, filme e pizza com uma compania agradável do lado. E ainda não dá trabalho algum!



Aproveite!

Paz sempre!

Purê de inhame

Um dos melhores acompanhamentos para carne de porco ou carnes assadas em geral.

INGREDIENTES:

1/2 kg de inhame
1/2 maço de salsinha bem picadinha
1/2 maço de cebolinha
2 colheres (sopa) de leite em pó dissolvido em 50ml de água fria
3 colheres (sopa) de manteiga ou margarina
sal a gosto

MODO DE PREPARO:

Descasque os inhames e cozinhe em água e sal até que fiquem macios. Escorra, amasse os inhames com um garfo ou passe-os pelo espremedor de batatas. Acrescente a manteiga e o leite, misture bem. Por último, coloque a cebolinha e a salsinha e misture. Sirva com um bom bife de carne suína ou com uma carne assada de sua preferência.



Paz sempre!

domingo, 15 de março de 2009

Massa básica de bolo de chocolate

Não me venha com essa história que massa pronta é fácil e gostosa. Difícil mesmo é encontrar um que valha a pena pelo sabor!

Essa massa a seguir é fácil de fazer, não leva muita gordura e sempre dá certo. Mas fique atento ao fermento utilizado, que deve ser de boa qualidade (use quela marca mais famosa mesmo, que é a melhor). E é fermento para bolo, não para pão!



INGREDIENTES:

4 ovos (Separe as gemas e as claras)
1 xícara e 1/2 de leite quente
1 xícara e 1/2 de açúcar (Costumo usar só uma porque não gosto de açúcar)
2 xícaras (chá) de farinha de trigo
1 xícara (chá) de chocolate em pó (não use achocolatado, só o chocolate ou cacau em pó, senão fica muito doce)
1 colher (sobremesa) de pó royal

MODO DE PREPARO:

Com uma batedeira, bata as claras em neve. Vá acrescentando aos poucos as gemas e o açúcar, até ter uma massa bem fofa, acrescente o leite quente e bata mais um pouco. Desligue a batedeira e com a ajuda de uma colher grande, peneire a farinha e o chocolate na massa, aos poucos e mexendo sempre. Por último, coloque o fermento. A massa tem que ficar bem fofa.

Coloque em uma fôrma de furo no meio untada e enfarinhada. Leve ao forno médio por aproximadamente 35 minutos. Para saber se está bom, espete a massa com um garfo ou palito, bem no meio. Se sair seco, está no ponto. Não abra o forno antes de 25 minutos pra massa não solar.

Acrescente o recheio e cobertura de sua preferência.

Paz sempre!

Congelamento de alimentos

Muitas vezes perdemos os alimentos por não saber como armazená0lo ou congelá-los. Segue então um link muito útil sobre congelamento de alimentos, com os tipos de alimentos, modo de congelar, de descongelar e tempo máximo que eles podem ser guardados.








Esse site também tem ótimas receitas, principalmente as árabes. Vale a pena conferir.



Enjoy!

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

Escondidinho de Frango diferente

Para fazer esse prato, utilizo o frango já cozido e desfiado.

INGREDIENTES:

Para o purê:
4 batatas médias cozidas em água e sal OU
1 aipim grande cozido em água e sal
2 colheres (sopa) de margarina ou manteiga
250 ml de leite
Batata palha

Para o recheio:
1/2 peito de frango cozido e desfiado (ou processado)
1 lata de creme de leite com soro
1 pitada de noz moscada ralada
1/2 lata de milho verde
1 colher (sopa) de cebolinha picadinha
1/2 copo de requeijão cremoso


MODO DE PREPARO:

Amasse a batata (no caso do aipim, bata no liquidificador com a função 'pulsar' com pouca água do cozimento, ainda quente), adicione o leite e a manteiga, misturando. Reserve. 

Misture o frango, o creme de leite, a cebolinha, o milho e a noz moscada, prove o sal e reserve. Em uma assadeira, coloque uma camada do purê, acrescente o recheio de frango, cubra-o com o requeijão. 

Coloque o restante do purê sobre o frango, jogue batata palha por cima e coloque no forno pra gratinar por aproximadamente 15 minutos em forno médio (ou 180°). Sirva quente com salada verde.


Enjoy!

Paz sempre!

segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

Sanduba de forno rápido

Esse 'sanduba' é fácil de fazer, fica bom demais e agrada a qualquer criança.


INGREDIENTES:

1 pacote de pão de fôrma, de preferência sem as cascas
200g de queijo provolone ralado ou em fatias finas
300g de queijo mussarela ralado ou em fatias finas
300g de presunto ralado ou em fatias finas
1 copo de requeijão cremoso
2 tomates em rodelas finas
orégano e/ou manjericão à gosto

MONTAGEM:

1 fôrma retangular 25x35 aproximadamente


MODO DE PREPARO:

Unte a fôrma com manteiga ou azeite (a seu gosto), coloque uma camada de fatias de pão, o requeijão, o queijo mussarela, o presunto e o tomate, sempre nessa ordem até que acabem todos os ingredientes. Por último, acrescente o requeijão sobre uma última camada de pão, coloque o provolone por cima, salpique orégano e/ou manjericão e leve ao forno médio pré-aquecido por 10 minutos, ou até que os queijos derretam. Sirva quente.

Rende aproximadamente 6 porções.


Enjoy!


segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

Farofa de lentilha

Se você já está cansado (a) da salada de lentilha tradicional ou da lentilha com arroz, experimente essa farofa. Essa receita aprendi com a D. Gê, uma vizinha muito querida que tem uma mão muito boa pra temperos! Adaptei ao meu gosto e ficou ainda melhor do que imaginava.


INGREDIENTES:

1 xícara (chá) de lentilha escolhida e lavada (retire as lentilhas mais escuras se preferir)
1 ovo
1 colher (sopa) de manteiga ou margarina
1 dente de alho socado
1/2 maço de coentro bem picadinho
1/2 cebola (corte-a ao meio no sentido do comprimento e depois em tiras finas)
1 colher (chá) de sazon vermelho
1 xícara (chá) de farinha de mandioca
azeite e sal a gosto

MODO DE PREPARAR:

Cozinhe as lentilhas em água e sal por aproximadamente 15 minutos. Elas devem ficam cozidas porém consistentes. Escorra e reserve.

Em uma panela, derreta a manteiga, frite o alho e junte o ovo, mexendo bem para não agarrar (se preferir, coloque um pouco de azeite ou óleo de soja para fritá-lo). Acrescente a lentilha, o sazon, o coentro e por último a cebola. Misture, prove o sal e desligue o fogo. Espere esfriar um pouco e coloque a farinha. 

Se achar que está muito seca, jogue azeite por cima e misture. Sirva fria.

Mousse de limão

Não há nada mais prático de se fazer do que esse mousse!




INGREDIENTES:

1 lata de leite condensado
1 lata de creme de leite com soro
suco de 3 limões
raspa de limão

MODO DE PREPARO:

Lave bem os limões e raspe-os em um ralador. Reserve as raspas. Esprema-os e retire o suco - deve dar pelo menos 50 ml de suco.
No liquidificador, bata o creme de leite, o suco e o leite condensado. Prove e acrescente mais suco de limão se achar que não está a seu gosto.
Coloque em uma travessa ou em taças e salpique as raspas de limão por cima. Leve à geladeira por aproximadamente 3 horas ou até que fiquem consistentes.


Enjoy!

Um abraço e Paz sempre.